Tradução deste blog

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

NEM TUDO QUE RELUZ É OURO. QUE O DIGAM OS AMIGOS DE JÓ.

Tudo começou com a minha pergunta no Facebook: Se os amigos de Jó disseram coisas tão maravilhosas acerca de Deus. Porque tomaram aquele belo puxão de orelhas, descrita no capítulo 42:7?

Quando lemos o livro de Jó sem aquela intenção de dividi-lo de forma acadêmica, concluímos que tudo o que está escrito, está sob inspiração de Deus, não sendo apenas as palavras do homem e é exatamente aí que reside o perigo de achar que tudo que está na bíblia, é mensagem de Deus para nós.

É bom que eu esclareça o que está escrito aí em cima, senão alguém vai ficar confuso e dizer: Nesse caso, não posso confiar totalmente na Bíblia?

A Bíblia, não somente contém, mas, é a palavra de Deus por excelência e temos nela, duas fontes de inspiração; a de Deus e a do homem.
Quando a inspiração é de Deus e manda que se escreva ou que se fale, Deus responde pelas suas palavras, elas nunca voltam vazias. (Is 55:11). Outra questão importante é que Deus não pede licença para usar o portador, seja do bem, do mal, simples ou sábio. Deus e somente Deus que age por exceção, usa quem ele quer, veja o exemplo a seguir:

2Cr 35:20-23 O rei Josias, tinha organizado a páscoa e diz a Palavra de Deus que ele tinha já preparado a casa quando Neco,  rei do Egito, subiu para guerrear  contra Carquemis e Josias saiu ao encontro para impedi-lo. O rei mandou-lhe o seguinte recado: “Que tenho eu que fazer contigo, rei de Judá? Não vim lutar contra ti mas contra a casa que me faz guerra; e disse Deus que me apressasse; guarda-te pois de te opores a Deus que é comigo, par que não te destrua”.
Porém, Josias, não virou o rosto, isto é, não deu ouvidos as palavras que saíram da boca de Deus, foi ferido e morto na batalha. Fato semelhante encontramos em outras passagens bíblicas em que Deus usa reis ímpios, para corrigir reis desobedientes.
Quando a inspiração é do homem, assim temos, muitos textos nos Salmos, Provérbios, Cantares entre outros livros e aí, se estabelece uma perigosa conexão.
Abre-se um texto aleatoriamente e diz-se: Deus falou comigo. Deus pode sim, falar por um texto isolado da bíblia, por que falou comigo inúmeras vezes, todavia, a regra geral é que Deus não fala por um texto ele fala por toda palavra, é preciso conhecer o universo da vontade de Deus em toda a bíblia, obedece-lo incondicionalmente e ser abençoado.

Vejam por exemplo o Salmo 51 em que Davi confessa o seu pecado. Foi bom para ele ter confessado e deixado isso escrito como por herança para o povo de Deus, assim Deus fará com aquele que reconhece seus erros, abre o coração e confessa.

O livro de Jó é a mais excelente peça literária, do ponto de vista de uma literatura, obra prima de caráter filosófico. Nas suas páginas temos as contradições da vida, do nascimento à morte. São maravilhosas as palavras dos amigos de Jó, todavia, no capítulo 42, já trazendo a bênção da restauração da vida de Jó, Deus manifesta sua ira contra Elifaz e seus amigos, diz-lhes: “Porque não dissestes de mim o que era reto, como o meu servo Jó”.
As palavras eram lindas,  porém, sem misericórdia, sem contemplação com o sofrimento alheio, razão pela qual Jó os chamou de consoladores molestos, Jó 16:2.

Finalizando, é possível perceber que nem tudo que reluz é ouro. Não dá para aplaudir a todos, qualificando-os de homens de Deus, tudo pela oratória. Os homens de Deus têm como principal característica, fugir sempre que perceber que está sendo o principal foco das atenções;  Atos 16:17. Muitos pedem uma salva de palmas para JESUS, todavia, sabem que JESUS não pediria isto e nem aceita esse tipo de manifestação que só serve para medir o IBOPE do pregador, como também, nem todos os que cantam docemente, são ungidos pelo Senhor. Há os portadores de dons naturais que conseguem arrebatar quem os ouça, quer seja na palavra ou nas canções.



2 comentários:

  1. O discernimento espiritual dissipa as trevas !

    A aparência é enganosa. Na atualidade precisamos ter muito cuidado, porque dotes de oratória "pregação", um belo canto e aparência de piedade não são sinônimos de santificação e Unção de Deus.

    Veja :

    Mas o Senhor disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque eu o rejeitei; porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem olha para o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coraçao. (1 Samuel 16:7 ).

    Dicernimento espiritual :

    Jesus disse : Pelos seus frutos os conhecereis. Colhem-se, porventura, uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?

    Ou seja, nem tudo que reluz é ouro !

    Leia :

    sandrocristao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. A paz do Senhor, Pastor!

    A vida de Jó é um belíssimo exemplo de como deve ser um completo homem de Deus. Perfeito? Não! Mas completo! Sofreu todas as aflições sem recuar, sem murmurar, es-pe-ran-do no Eterno! Lindo demais!

    Tudo que está escrito no livro de Jó poe abaixo toda a teologia da prosperidade e Cia. não é mesmo?!

    Respostas? Seus amigos queriam entender pela ótica humana o motivo de tanto sofrimento, sem dúvida queriam respostas prontas, coerentes, relevantes... Mas há coisas na na vida de um verdadeiro servo de Deus que só no tempo oportuno o próprio Deus leva-o ao entendimento.

    Ótima reflexão!
    Em Cristo,
    Simone Tavares.

    ResponderExcluir