Tradução deste blog

domingo, 28 de novembro de 2010

BELENZINHO E OS BATISMOS

Hoje, 28 de Novembro pela manhã, realizou-se o último batismo de 2010 no Ministério do Belenzinho. Ainda não tenho conhecimento do número de candidatos batizados, todavia, em média são batizados a cada dois meses, por volta de 2300 candidatos. Até o final da década de 60, espero não estar equivocado quanto o ano, os batismos eram semestrais, depois passaram a serem realizados trimestralmente e depois, bimensais.
Sempre que vou ao Belém, gosto de olhar os candidatos e fico profundamente admirado que 70% aproximadamente, (análise superficial minha) são jovens e adolescentes. Para o que pretendo comentar, não sinto necessidade de números exatos pois não é um trabalho de apuração ou de dados estatísticos mas simples observação. Portanto, concluo que aproximadamente 9.600 jovens e adolescentes, por ano, não serão incluidos nas seguintes estatísticas:
a) Traficando ou usando entorpecentes.
b) Agredindo pessoas nas ruas inclusive gays ou qualquer grupo social alvo de preconceitos.
c) prostituindo-se.
d) Ingerindo bebida alcoólica e causando prejuízos a terceiros.
e) pixando bens públicos ou privados.
f) Estressando o pai ou a mãe.
g) Apresentando atestados médicos frios para enganar patrões e encobrir a preguiça.
O que está ficando cada vez mais difícil é fazê-los deixar de ser Corintianos ou São Paulinos já que temos uma nova safra de pastores seguidores.
Deixando de lado o gracejo, Deus tem abençoado o Ministério do Belenzinho como também impressiona a disposição do Pastor da igreja, Pr. José Wellington B. da Costa que apesar de quase 80? não perde o vigor para pregar a palavra de Deus e também algo impressionante, nunca desce do tamanco para agredir os que lhe fere, talvez seja essa uma das razões pelas quais o Belenzinho tem crescido tanto. Não consegui entrar no templo.  Deus tem abençoado e pasmem, quando muitos pregam facilidades, o Belenzinho se mantém firme. Claro que pela quantidade, alguns escorregam e caem de bandeja em outros ministérios que aproveitam para alfinetar este ministério pelo seu conservadorismo.
Deixo claro que isto não é matéria paga, não ganho elogios por isso, nunca quis e até porque, estou em fim de carreira. Nada mais me interessa a não ser o galardão que Jesus trará na sua vinda. O que de fato quero é que todos aprendam o respeito mútuo. Quer conduzir por portas largas, vai na fé. Prefere a estreita, vai também pois sabemos que ambos iremos dar contas a Deus do nosso trabalho. O que não apreciamos são os extremismos. Apenas chamo a atenção que quando se trata de santificação, santificação!, aquilo, aquilo! que cresce dentro de nós, valorizando as coisas de cima, é uma tarefa árdua mas, descer ladeira abaixo, basta encostar o dedo e vai de monte.

Fiquem todos na paz.

sábado, 27 de novembro de 2010

DETERMINAÇÃO PARA ALCANÇAR AS BÊNÇÃOS.

Para tudo quanto precisarmos nesta vida, temos que ter determinação, já viu um desanimado conquistar diploma de faculdade? tudo para pelo meio do caminho. No tocante as coisas da vida, precisamos ser determinados, não sem antes, definir metas, dizer para nós mesmos, o que queremos, qual o objetivo, o que mais gostamos de fazer. Quando recebemos o diploma, olhamos para traz, nem nos lembramos mais das noites mal dormidas, daquela fomezinha que dava, quando chegava no prédio da faculdade. Que alívio, consegui.
No tocante as coisas de Deus, também precisamos de determinação. Pedi e dar-se-vos-á, disse Jesus, buscai e achareis; batei e abrir-se-vos-á (Lc.11:9).
A igreja de Jerusalém tomou conhecimento do grande número de convertidos em Antioquia e enviou para lá, Barnabé que chegando, exortou-os a que com firmeza de coração, permanecessem no Senhor, At 11:23.
Permanecer no Senhor é fundamental para conservação dos propósitos e o estabelecimento de novas metas. Todavia, nem tudo acontece por acaso ou por estalo no Reino de Deus.
A mulher que a doze anos sofria de fluxo de sangue, (Lc.8:44) possivelmente algo como, mioma, uma das doenças uterinas mais comuns, que provoca hemorragias, inquieta a mulher e o sangue só é estancado com procedimento cirurgico, já tinha gasto todo seu dinheiro buscando a cura.
A mulher soube que Jesus ia passar próximo a sua casa e não teve dúvidas: Se eu tão somente tocar na orla do seu vestido, ficarei curada (Mt.9:21) assim o fez. Com total  fraqueza, pois, 12 anos, não são 12 dias, rompeu a multidão que apertava o Senhor e saiu curada, provocando uma belíssima reação do Senhor; algúem me tocou e os discipulos retrucaram, Senhor a multidão te aperta; não, alguém me tocou porque de mim saiu virtude.
Muitos confundem determinação com determinar. Determinar com Deus, não funciona, Deus não é um sub produto da imaginação do homem, tampouco, o nosso serviçal. Ele é Senhor das nossas vidas, nos ama e Jesus disse que nós sendo maus, sabemos dar boas dádivas aos nossos filhos, quanto mais o Pai celestial, dará o Espírito Santo áqueles que lho pedirem cf. Lc. 11:13.
Criar os meus filhos, ve-los formado, bem estabelecidos, foi sempre uma determinação para mim que posta sob a vontade do Senhor, servi-lo com dificuldade mas, com seriedade, produziu os resultados que hoje, me deixam com a certeza do dever cumprido.
FAÇAMOS COM DEUS UMA TROCA JUSTA:  Cuidamos dos interesses dele aqui na terra e ele cuidará dos nossos interesses. Isto é infalível.
  

POR MEDIADOR OU DIRETO COM DEUS?

Atualmente, é comum ouvir-se nos púlpitos das igrejas a seguinte frase:  "Eu profetizo a bênção de Deus para sua vida ou Deus me chamou para profetizar na sua vida" e vai aí por diante. Criticamos os católicos por que dizemos deles e para eles:  "Não precisa pedir aos santos, vocês podem ir direto com Deus".  E eu fico a tamborilar meus neurónios para ver se acordam e me ajudam a compreender essa "desordem institucionalizada" no meio do povo de Deus. Sempre que temos questões irrespondíveis no campo da razão humana e como o assunto fala de Deus, não encontro outra saída senão, ir para BÍBLIA SAGRADA, palavra de Deus, profecia completa, onde nada se deve acrescentar ou subtrair e começo agora a trazer a tona como forma de ajudar o povo de Deus, textos esclarecedores para entender este intrigante assunto; começo pelo livro de Hebreus.
Pensemos nas duas grandes dispensações; LEI  e GRAÇA.
NA LEI.
Temos a figura do sacerdote, cujo trabalho era apresentar sacrifícios pelos pecados do povo, operavam como mediadores ou medianeiros entre Deus e a nação hebraica.
SACERDOTE: Homens da tribo de Levi, filhos de Arão, consagrados para o serviço do altar. Não podiam apresentar qualquer defeito físico pois apontavam para Cristo, também tinham a função de julgar as causas difíceis do povo cf. Dt. 17:1-13.
QUALIFICAÇÃO: Tinha que ser da tribo de Levi, tinha que ser da família de Arão,  não podia ter qualquer deformidade Lv.21:17-24 e o mais importante; tinha que ser chamado por Deus como Arão Hb.5:4.
URIM E TUMIM.
Duas pedras postas no peitoral do sacerdote, entendidas por luzes e perfeições, com estas pedras, certamente as questões nacionais eram decididas pelo sim ou pelo não.
O OFERTANTE.
Homem ou mulher que tivesse pecado, qualquer que fosse a sua natureza, deveriam ir ao sacerdote e entregar sua oferta para o sacrifício.
O livro de Hebreus, presumivelmente escrito pelo apóstolo Paulo, descreve minuciosamente a importância do rito judaico, suas imperfeições e que exemplos trouxe para nós no tocante ao descumprimento ou relaxamento da lei e dos sacrifícios pelo povo.
NA GRAÇA.
Começamos pelo capítulo 10:19-22 de Hebreus que declara: "Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no Santuário, pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne e tendo um grande Sumo Sacerdote sobre a casa de Deus, cheguemo-nos com verdadeiro coração em inteira certeza de fé...".
a) OUSADIA PARA ENTRAR NO SANTUÁRIO.
b) PELO SANGUE DE JESUS (sangue da nova aliança com Deus).
c) PELO NOVO E VIVO CAMINHO.
d) TENDO UM GRANDE SUMO SACERDOTE SOBRE A CASA DE DEUS.
O caminho está livre. Deus convida você.
SEGUNDA QUESTÃO - Criticamos os jovens porque buscam sempre um ícone, uma referência para correr atrás e vejo muitos cristãos, correndo atrás de nomes e personalidades, quando deveriam correr atrás de Jesus pois ele nos deu vida. Todos eles passam, JESUS não passa.
Quando escrevi sobre "JESUS O MAIS DESACREDITADO...", aqui também temos vários descréditos ou seja; Jesus falou e ninguém lhe dá a devida importância.
1)  Jo 14:13 E tudo quanto pedirdes em meu nome eu o farei para que o Pai seja glorificado no filho.
2) Jo 15:7 Se vós estiverdes em mim e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes e vos será feito.
3) Jo 16:24 "Até agora nada pedistes em meu nome; pedi e recebereis para que a vossa alegria se cumpra".
Os apóstolos, cheios do Espírito Santo, pregavam e curavam em nome de Jesus porém, o objetivo era alcançar os perdidos ou seja; os sinais seguiam os que cressem e quantos mais sinais, mais conversões. Hoje o que se vê é uma movimentação de crentes, correndo atrás de sinais e infelizmente, até pastores, se dissimulam para ir a reunião do Apóstolo Polinésio, para saber como trabalham. Como será que Jesus se sente.
Meu querido irmão, aprenda a confiar em Jesus, ele nunca decepciona.
Gosta do Salmo 23? "O Senhor é o meu pastor e nada me faltará".
Por isso que os Polinésios cobram caro das suas plateias. Tem quem pague.



terça-feira, 23 de novembro de 2010

III - O SOL NÃO É PARA TODOS. DA DEPRESSÃO AO SUICÍDIO.

Quanto mais longe de Jesus, pior.

Algumas perguntas são por demais intrigantes, para ouvir e para responder. Já se perguntou se é possível um cristão ficar possesso como também pergunta-se da possibilidade de um cristão apelar para o suicídio. A bem da verdade, é impossível biblicamente falando, um cristão ficar possesso e não preciso de muitos textos para amparar a minha afirmação, valendo também para questão de suicídio:

1 Jo 5.18 "Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado, conserva-se a si mesmo e o maligno não lhe toca". Este é um lado.
Lc 22.31 "Disse também o Senhor: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos cirandar como trigo".
Lc 22.32 "Mas eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos". Este é o outro lado, também não fala de possessão mas de ataque satânico. Prova que o Diabo não dorme. O Apóstolo Paulo conhecia bem sua astucia.

Quando alguém afirma que a igreja contribui para situações depressivas, não gostamos dessa afirmação, todavia, é possível dizer que sim. O que muita gente não se dá conta é que a igreja não é um grupo de pessoas transformadas em anjos que atingiram tamanho grau de perfeição, tornando-os inatingíveis de qualquer agressão do mundo exterior. Já passei por provas tremendas e minha esposa que como toda boa esposa de pastor, acaba sendo o para-choque do ministro, passou pelo vale da depressão, vítima de câncer no seio. Sei o que isto significa e nessa hora, é a sua luta com Deus,  só sua.

A principal questão é que aprendemos, não sei com quem, que toda igreja tem a medida padrão para o cristão perfeito, eles não podem errar, não podem pecar, não podem negar. Vejam os tele-evangelistas, eles pregam que é uma bênção. Os presentes, se derramam diante do Senhor e o diabo diz para eles que são os melhores e eles acreditam; ocorre que ao deixarem o ambiente de culto, retornando ao lar, muitos irão se defrontar com a terrível realidade, maridos que batem,  filhos que se drogam e filhas que se entregam a um amor bandido;  de vez em quando jogando nos braços da mãe um filho de pai indeterminado.

Se existe algo que me deixa apaixonado pelo Senhor é que ele conhece o tamanho de cada cristão, sabe suas limitações, saberá receber na eternidade aqueles que não contribuíram para impiedades, muitos dos quais, criticamos. Se, sapato de saldo alto resolvesse, deixaríamos alguns pares na porta da igreja para que todos tivessem a mesma altura e confundisse os críticos de plantão.

Os homicidas, têm oportunidade de buscar o perdão de Deus e se converterem, os que tiram a própria vida, perdem essa oportunidade todavia, os fatores que levaram a  pessoa a praticar tamanho atentado contra a própria vida, será considerado no tribunal de Deus. Não me peçam textos bíblicos a respeito porque não tem mas também, ninguém precisa ver como vejo esta questão tão delicada.

Quero chamar a atenção que só conhecemos o suicídio quando praticado de maneira violenta. Quantas pessoas, diante da fragilidade da sua saúde, abandonam propositadamente a alimentação e alguns até deixam de tomar a medicação, recusam de maneira sutil, continuar vivendo, não suportam o sofrimento, não tem tamanho espiritual para isto.

Não temos o direito de violentar a nossa alma e alguns o fazem porque se esquecem da grandeza do amor de Deus e da sua capacidade em perdoar, não podemos brincar com a nossa salvação.

Tentando resolver,  principalmente, problemas conjugais, acabei percebendo que a maior causa dos conflitos é o distanciamento de Deus. Quando ambos se aproximam, os problemas viram poeira. Quanto mais perto de Jesus, menor a probabilidade do cristão ser determinista da própria vida.

Certamente vocês leitores, conhecem muitas pessoas inteligentes, competentes, que perdem grandes oportunidades porque o mundo vive cheio de desonestos que buscam alcançar suas metas, através de bajulação e outros meios vergonhosos, roubando o sol que pertence a outros.

Para falar de personagens bíblicos que sofreram dramas depressivos, ocuparia outro espaço, todavia, concluo com o pensamento que nós podemos contribuir com nossos irmãos de maneira positiva ou negativa. Isto também depende a que ponto estamos em distância, do nosso querido salvador, Jesus Cristo que convida para si, os cansados e oprimidos. Ele dá alívio a alma.

Pv. 24:10 "Se te mostrares frouxo no dia da angustia, a tua força será pequena".

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

VIOLÊNCIA CONTRA GAYS, RELIGIÃO E PL 122

Não sinto necessidade de escrever muito sobre este assunto, tão explorado ultimamente. Católicos e evangélicos são acusados de fomentar ataques preconceituosos contra os gays. Alguns mais afoitos declaram que a Bíblia contribui para o preconceito contra os mesmos. Sempre ouço o noticiário dessas agressões. Ocorrências no entorno da Av. Paulista e praças onde  homossexuais se promovem quase nus, oferecendo programas sexuais, são covardemente  agredidos ou assassinados. Já houve casos de assassinatos, nos desfiles anuais que fazem no centro da cidade,  fora as agressões verbais sofridas nas ruas. Posso garantir que a rapaziada católica, falo dos carismáticos,  que participam de estudos bíblicos e também a juventude evangélica, nunca são encontrados protagonizando ou incitando esse tipo de violência.  Vale lembrar os ataques dos Skinheads contra negros e pobres, lembrei-me do rapaz que foi jogado fora de um vagão da CPTM. Todos sabemos que a sociedade dispõe de instrumentos legais para proteger o cidadão. Apenas lamentamos a falta de rigor nas aplicações penais.  O que falar então das agressões a nordestinos, empregadas domésticas, índios, negros e pobres de um modo geral. Precisariamos ter uma legislação por grupo social e não apenas em defesa do cidadão. Ops! deixa-me falar sobre a violência contra idosos, nas filas de mercado, nos estacionamentos e nos ônibus então,  é terrível!!! Os idosos são sacudidos sem o mínimo de respeito pelas freadas bruscas, alguns são jogados contra as catracas, sofrem fraturas e pior para os portadores de osteoporose.
Você não encontra jovens católicos ou evangélicos maltratando animais, salvo, desonrosas excessões. 
Então pergunto: Por que essa fobia em aprovar projetos como o PL 122 e outros para tentar calar a voz crítica da igreja? o que tanto incomoda? Todo mundo tem o direito de ir a televisão, e fazer cenas que nos fazem corar e ao mesmo tempo instigar nossas crianças para que pratiquem as mesmas coisas? Não sou lulista, nunca votei no nosso Presidente da República, todavia, achei um grande abuso, desrepeitoso em extremo e visível preconceito da maneira como muitas críticas foram divulgadas a respeito dele, como dignatário da nossa nação. Até o papa é criticado. Por que apenas os gays  recusam críticas, querem leis especiais para se sentirem  protegidos ou querem o caminho livre para divulgar suas práticas? 
Dias atras sintonizando canais de televisão a ver se tinha alguma coisa que se aproveitasse, a Globo transmitia uma minisérie em que uma jovem senhora casada, com apenas uma rosinha no bico do seio e lingerie,  se insinuava diante da Webcam. No 20, Superpop, em defesa de um ritmo musical, apresentava mulheres com minúsculos biquínis que rebolavam frenéticamente de um lado para outro e algumas coreografias, bem lembra o coito.   Tem umas câmeras que são movimentadas com facilidade e de repente, o câmera "vai por baixo"  e elas riem gostosamente pela promoção gratuita dos seus atributos, debocham dos chamados moralistas, recomendam a mudança de canal se não estiverem gostando, mas, a essas alturas, muitas crianças que ainda perambulam pela sala, já presenciaram essas cenas e não havendo críticas, acharão que tudo isso faz parte da família e da cidadania. Calar e não criticar é como tentar calar a voz de Deus e olhem bem, Jesus disse que se nós nos calássemos, as pedras clamariam  Lc. 19:40.
Para terminar, faço aqui uma colocação a esses anarquistas. Não esperem Deus falar, um dia o povo Hebreu ouviu a voz do Senhor e pediram a Moisés, "Fala tu conosco e não Deus, para que não morramos". Ex. 20:19.
Hb 12:18 "Porque não chegastes ao monte palpável, aceso em fogo e à escuridão e às trevas e a tempestade e ao sonido da trombeta e a voz das palavras á qual, os que a ouviram pediram que se lhes não falasse mais; porque não podiam suportar o que se lhes mandava...".
Hb 12:21 "...e tão terrível era a visão que Moisés disse: "Estou assombrado e tremendo".
Gl. 6:7 "Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará". 

domingo, 21 de novembro de 2010

II - O SOL NÃO É PARA TODOS.

QUANTO MAIS PERTO MELHOR.
(De Jesus). Ml. 4:2 Mas para vós que temeis o meu nome nascerá o sol da justiça e salvação trará debaixo das suas asas).
Antes de iniciar esta segunda parte, informo que ouvi de um comunicador da Globo que várias crianças encontraram no suicídio uma saida, tendo sido vítimas do Bullying (termo em inglês utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica),
Sei que os leitores estão interessados que eu me posicione com respeito ao suicídio, principalmente quando isto ocorre no meio cristão. Essa questão em si, não dependente de posicionamento de quem quer que seja, é uma violência contra a vida o que quero é construir uma ideia acerca do assunto e mostrar que o sistema satânico tem destruído muitas vidas e verificar se de alguma forma, não estamos contribuindo para afundar os fracos, quando deveríamos lançar a bóia para salva-los do terror que os envolve, diante das dificuldades da vida.
Entre os meus clientes, encontrei um que me contou a sua estória. Disse-me ele: "Pensei que depressão fosse frescura porém quando meu filho pulou do 25 andar, em minha frente, fiquei 4 anos sem falar no assunto e pensar que não o ajudei".
Nesses 45 anos anos de vida cristã e considerando apenas minha área de atuação e convivência, ocorreram dois casos de suicídio, sendo um, muito recente. O primeiro, já faz muitos anos e pelo que soubera do assunto, esse irmão, com pouco tempo na igreja, tinha tido um caso extra conjugal; alguém deve ter-se esquecido de dizer para ele que JESUS sabe perfeitamente perdoar qualquer tipo de pecado. Na verdade, sei que o que interessa para os nossos leitores é que um crente que esteja muito perto do Senhor, não se ocupará de cometer tamanho delito contra  a vida. Concordo plenamente porém, quero dizer que nem todos os crentes tem o mesmo tamanho de fé, razão pela qual, deixa-los ao sabor das ondas é contribuir para cometer loucuras.
Rm.15:1 "Mas nós que somos fortes devemos suportar as fraquezas dos fracos e não agradar a nós mesmos".
Não dá para dissociar o homem espiritual dos dramas do homem moral, caso isso fosse possível, os remidos poderiam deixar a igreja para uma vida isolada, por não precisar mais desenvolver a sua espiritualidade e com os ensinos sistemáticos, fortalecer o homem moral, dando-lhe condições de enfrentar com coragem, qualquer situação adversa. Não é sem razão que vivemos correndo atrás dos crentes, quando percebemos prolongada ausência nos cultos da igreja.
Já tive momentos na vida de frustração e medo, diante das incertezas no futuro. Pela graça de Deus venci tudo isto, me sinto hoje amadurecido e o que contribuiu para o meu fortalecimento foi a confiança na palavra de Deus que nunca falha. E sempre que a frustração tentava me absorver por inteiro, ia buscar o reforço na oração.
O QUE TORNA UMA PESSOA FRACA.
Nem todos tem o mesmo alcance para entender a vida como realmente é. A grande maioria dos crentes, tendem a confiar na igreja, no pastor e no ministério em se tratando de pastores. Para essas pessoas, a igreja o pastor e o ministério, não podem errar jamais. Vejamos cada caso.
OS CRENTES - O irmão ficou desempregado, o aperto tomou conta da casa, foi a igreja em busca de socorro e o pastor, que tem uma vida confortável, diz-lhe: Irmão, temos aqui meia cesta básica e não podemos ajuda-lo com mais nada, o senhor entende né! Estamos construindo, estamos reformando, temos muitos gastos e bla bla bla bla bla e tome bla bla bla. Ele chega em casa, vê as crianças chorando com fome, a mulher, faz dó. Amigo; se esse irmão não se apoia em Cristo ele faz besteira e depois, vamos a sua sepultura para jogar nossos buquês de censura pelo tresloucado gesto.
PASTORES: Quantos não estão pelos cantões, passando apuros. Eles atribuem tudo a vontade de Deus porém, a família, não pensa da mesma maneira, sem poder educar os filhos, alimenta-los convenientemente. Certa feita, um me contou, que estando doente, ligara para o seu titular pedindo socorro e teve como resposta o seguinte: "Te vira aí com os crentes". Isso acontece principalmente nas regiões pobres do nordeste. O sol não é para todos e não sou suficientemente inteligente para entender essas coisas, ainda castigo meus neurónios.
A minha recomendação aos que sofrem é: Quanto mais perto de Jesus, maiores as chances de vitória. Ainda existem pastores e ministérios abençoados por Deus, que valorizam o homem e que não os empurram ladeira abaixo para ver no que vai dar.

Objetivos do Blog



Este blog tem por objetivo, tecer comentários bíblicos. Confrontar as questões sociais, que mais incomodam os religiosos de um modo geral, e cristãos em particular em virtude deste último grupo afirmar que ampara sua fé na Bíblia Sagrada e isso precisa ser provado com obras.
Espero que os comentários postados neste blog, venham contribuir para o enriquecimento das idéias propostas. Sua opinião é muito valiosa para mim.


Boa leitura!


Pastor Genivaldo Tavares.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

I - O SOL NÃO É PARA TODOS

Pretendo segundo a graça de Deus, desenvolver este tema em vários pontos para abordar a questão do estreasses, da depressão e do suicídio. O suicídio; mesmo sendo caso raro, nos surpreende quando uma pessoa cristã violenta sua própria alma para fugir da guerra travada no seu interior. Quando penso no esboço deste primeiro ponto, sou abordado por um morador próximo da minha casa que pede socorro para sua família. Ele separado da mulher, desempregado e dois filhos jovens, que comem da mesa do avô; o temor está estampado no semblante cansado, o avô diz não aguentar sustentar os jovens também desempregados, a comida é pouca e os traficantes rondam, pois, é uma situação oportuna para recruta-los e dar-lhes alguns trocados que só irá servir para pagar o vício em que acabaram entrado, como forma de fugir do cotidiano. Um deles, na semana anterior a esta, fora preso portando drogas Recebo também um conjunto de fotos, uma delas, deu ao fotógrafo o prêmio Pulitzer, que mais tarde, deprimido, suicidou-se. As fotos retratam crianças africanas, filhos de Deus como nós, na fronteira da morte. Penso que se pudessem, pediriam: por favor mate-nos. Ficar tripudiando em cima desses assuntos, quando nada nos falta, temos família bonita e bem alimentada, carro escolhido a dedo, para o vizinho não ter vergonha de nós e roupas de marca, tudo fica fácil. Metidos como somos, vamos a igreja para adorar a Deus, sem nos preocuparmos com o que acontece no entorno. No término do culto, levamos a família ao melhor restaurante e assistimos o restante do Fantástico. Terminou o domingo dos abençoados!!!
É bem possível que você já esteja pensando em uma dezena de textos da bíblia, para combater o título escolhido, dizendo que Deus deu o sol para justos e injustos. Não aproveita quem não quer.  Não se apresse. Temos muito a falar sobre este assunto e o meu desejo é que os fracos sejam fortalecidos; que os fortes saibam que sua força vem de Deus que espera vê-los ajudar os fracos e não, partir para o açoite e a semelhança dos amigos de Jó, se tornarem consoladores molestos. Portanto, este é o primeiro ponto.


quarta-feira, 17 de novembro de 2010

IV - JESUS O MAIS DESACREDITADO - ESPIRITISMO (última.parte)

No primeiro ponto, uma nota explicativa sobre o título.
Abordamos nos pontos anteriores;  em que os evangélicos erram, em seguida, sobre o catolicismo e agora, neste último ponto, falaremos sobre o espiritismo. Convém esclarecer que tendo muitos amigos espíritas e que os respeito pela forma dedicada como seguem sua doutrina e as questões filantrópicas, não é intenção, critica-los como não fiz com os católicos nem com os evangélicos, pois sou evangélico pela graça de Deus porém, alertar sobre os ensinamentos de Jesus. Muitas palavras proferidas pelo Senhor Jesus, não são levadas em conta pela maioria do povo chamado cristão. Some-se ainda, as palavras dos profetas e dos apóstolos. São Paulo ao escrever sua primeira carta aos Coríntios, ele disse: "Porque eu recebi do Senhor,  o que também vos ensinei..." ICo. 11:23.
É linguagem corrente dizer-se que toda religião leva a Deus. Particularmente não conheço nenhuma que faça tamanha proeza. Se qualquer religião leva a Deus, Deus equivocou-se em achar que precisaria enviar seu filho ao mundo para salvar alguém de que? Se Deus a ninguém julga logo, justifica-se toda imoralidade, violência, perversão, homicídios, pedofilia, aborto, homossexualidade, pederastia ou bestialidade, violência contra criança, estupro. Façamos tudo  que o nosso coração pedir pois, não haverá condenação, Deus não é um matador, truculento, como pregam. Ademais, muitas doutrinas ensinam que sempre retornaremos cada vez melhor, porque nos preocuparmos? Se não tem inferno como alguns dizem, porque afirmar que tem céu?
O espiritismo como qualquer outra religião, tem seus livros; o Evangelho segundo Allan Kardec e um incontável número de livros psicografados e apologéticos. A presente matéria serve para qualquer outra vertente religiosa espiritualista.
Qualquer grupo religioso deve saber que não há outro livro que com autoridade fale da vida, da morte e da eternidade. A Bíblia Sagrada é por todos reconhecida como palavra de Deus. Portanto, nenhum outro livro está acima da Bíblia no tocante a estes assuntos nem o livro de Allan Kardec nem qualquer outro.
Quero começar falando das novelas da Rede Globo de Televisão. Não sei se todos autores porém, alguns muito imaginativos ou confiados na sua doutrina, elaboram textos onde se inclui a reencarnação; pessoas que voltam em outros corpos, pessoas que voltam para ajudar seus queridos a superarem as suas dores e mais recentemente, uma novela onde o jovem médico, desincorporado, se mantém apaixonado e luta contra o próprio pai pelo amor da mulher que amou em vida. Qualquer pessoa que se der ao trabalho de ler a Bíblia, vai perceber que essas coisas, não passam no crivo da Palavra de Deus e as que não dão a devida importância, terão as revelações globais como verdadeiras, tamanha a influência da mídia.
Alguém pode contar quantas vezes a Bíblia fala de reencarnação e quantas sobre ressurreição? Não há um texto sequer que evidencie a doutrina da reencarnação e o diálogo entre Jesus e Nicodemos (Jo. 3) foi conclusivo para mostrar a necessidade do homem nascer de novo da água e do espírito. Na carta aos Efésios 2:5 o Apóstolo Paulo escreve: "ESTANDO NÓS AINDA MORTOS EM NOSSAS OFENSAS, NOS VIVIFICOU JUNTAMENTE COM CRISTO (PELA GRAÇA SOIS SALVOS)".  Jesus tranquilizou Nicodemos dizendo-lhe que o que é nascido da carne é carne; no Salmo 51  David diz que nasceu em iniquidade e foi concebido em pecado. O homem sem a nova natureza em Cristo, continuará sempre no pecado e o que percebemos é que a cada período o homem piora na sua relação social ao invés de melhorar. Uma outra questão intrigante é:  Quantas almas existiam no tempo de Abraão? se essas,  reencarnaram no futuro, fica evidente que além da reencarnação, o kardecismo deveria contabilizar o desdobramento de cada alma para chegarmos hoje nos milhões que povoam a terra. Deus não precisa dessa contribuição estranha. Deus dá vida e ele mesmo a tira. Toda alma pertence a Deus, dele vem o fôlego de cada ser humano e dessa forma, o homem comparecerá diante do tribunal de Deus conforme Apoc. 20:13 "E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante do trono, e abriram-se os livros. E abriu-se outro livro que é o da vida. e os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras".
Jesus não causou impressão pela sua retórica e sim pela verdade contida nas suas palavras, cheias de graça e virtude, Lc. 4:22 Jo 9:46.
Outra pregação contundente de Jesus:
Mt.10:28 "E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo".
Indo ao antigo testamento, nos deparamos com o seguinte texto, no livro do profeta Ezequiel cap.18 sobre a responsabilidade pessoal: 18:4 "Eis que todas as almas são minhas; como a alma do pai, também a alma do filho é minha; a alma que pecar, essa perecerá".
Deus não precisa recauchutar a alma de qualquer ser humano que tenha passado nesta vida, ele dá alma nova para cada um. Não existe maior engano que essa ideia de "vidas passadas".
Com tristeza presenciamos no mundo religioso é que católicos, espíritas e suas vertentes, incluindo-se nisto muitos evangélicos, estão se deixando enganar, por pregações piedosas, com promessas de riquezas nesta vida, positivismo, auto-ajuda e como pagamento, ainda que alguns não aceitem e dizem que é voluntária, revertem grandes somas como se isto atraísse a atenção de Deus para si, dando-lhes privilégios incontáveis.
Se dissermos que Jesus está em nossa igreja para abençoar e no mesmo quarteirão uma faixa anunciando cantores e pregadores famosos na mídia, grande parte do povo corre para ouvi-los, um evangelho dissociado de socorro aos pobres pois para eles, pobre tem que orar e confiar para ficar rico. Termino por aqui pois se for usar todos os textos da bíblia para combater heresias e esses enganos que não são de hoje, seria melhor escrever um livro sobre o assunto.
Jesus é o pregador por excelência, suas palavras mudam a estória de vida de qualquer cidadão ou família, realiza milagres, batiza com o Espírito Santo e ele, somente ele garante a entrada no Reino dos Céus.

TEXTOS PARA FINALIZAÇÃO.
Livro do profeta Isaías 8:19 "Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os adivinhos, que chilreiam e murmuram entre os dentes: - não recorrerá um povo ao seu Deus? A favor dos vivos interrogar-se-ão os mortos?

Is 8:20 "À lei e ao testemunho! Se eles não falarem segundo esta palavra, nunca verão a alva".

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

DEPRESSÃO E SUICIDIO - POSTAGEM VER.DIGÃO

Li o texto do irmão Digão e confesso que não é para criar polêmica nem contradizer as partes que já iniciaram um debate aberto sobre o assunto que vou escrever esta matéria.  Entendi o que foi escrito pelo irmão Digão, senti muita sinceridade, um coração aberto, não conheço muitos com tamanha coragem. Recomendo que não se faça julgamento precipitado sobre essa experiência.  Não os deixarei esperando muito. Se Deus permitir, publicarei com o seguinte título: "O SOL NÃO É PARA TODOS" e voces verão o quanto o povo de Deus precisa de mudanças.

Mt 12:7 "Mas se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero e não sacrifício, não condenarieis os inocentes".
Mt. 9:13 "Ide porém e aprendei o que significa: Miserícórdia quero e não sacrifício".

Infelizmente, esse componente tão importante na medicação diária, falta na bula do remédio e quando administramos a alguém, a alta dose de justiça contidas, acaba matando os pacientes.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

OS TEÓLOGOS E A METAFÍSICA (09/11 8:24)

Procurei nas diversas fontes o significado da Metafísica. Se não pareço um tanto grotesco, confesso que Metafísica, para mim, é entrar pela porta A do corredor B, ir até o final desse corredor e estranhamente encontrar a porta A exatamente no lado oposto de A.  Entendeu?.  não?; nem eu!!!. Há questões filosóficas, que quanto mais se discute, mais aparecem debatedores cheios de razão e, no fim, parece que todos tem razão. Certamente você esteja aí do outro lado me perguntando: e o que tem a Teologia e os teólogos com isso? Você já participou de um estudo bíblico cujo orador tenha contabilizado uma dezena de diplomas na área?
E quando eles escrevem? Você entende alguma coisa? Aquele amontoado de datas e nomes, quem brigou com quem e  quem falou de quê? O pior de tudo é que a briga é interminável, quanto mais se fala, mais surgem os briguentos. Quando essa ciência resolve com toda sua pujança, tomar espaço nas Lições Bíblicas da nossa Escola Dominical e felizmente isto não ocorre com frequência, fico um tanto apreensivo, com o uso da complicada nomenclatura. Logo penso: como isto se reflete,  em um país como o nosso, com tamanha dimensão e diferenças culturais;  morro de pena dos irmãos residentes longe dos grandes centros, com baixa escolaridade. Em viagem a uma cidade, visitando parentes, fui a igreja e assentei-me tranquilamente para participar da Escola Bíblica Dominical, não havia me identificado como Pastor e como não me perguntaram o nome nem de onde era, fiquei como um crente anônimo.  Queria usufruir do momento como qualquer mortal. É nesse momento que o professor, totalmente fora de foco, resolve  falar das experiências pessoais e aí, você sai sem entender o sentido da Escola Bíblica Dominical e sua programação de estudos.
Penso que certos assuntos deveriam ficar dentro das salas de aula. Para combater qualquer heresia e até mesmo as influências danosas do secularismo que tem invadido as igrejas, o melhor é usar o nome de Jesus, seus ensinamentos e a palavra dos apóstolos,  desprezando a demonstração de profundo saber e as discussões que em nada enriquece os que ouvem. Que bonito exemplo temos no discurso de Pedro no dia de Pentecostes, At.2:14;  Na porta do templo, At.3:12 a  defesa de Estêvão diante do conselho At.7 e a pregação de Filipe em Samaria? At 8:6. O saudoso pastor Valdir Nunes Bícego, amava estatística e com frequência nos lembrava que a conversão de almas era muito maior, no tempo em que os pastores eram pouco letrados. Quem se arrisca dizer porquê? Deus abençoe todos os alunos de teologia e lhes dê entendimento que a teologia não deve ser usada como um facão afiado nem tampouco para arrogantemente se impor diante do governo da igreja onde congrega ou diante da própria igreja.
Tt 3:9 "Mas não entres em questões loucas, genealogias e contendas e nos debates acerca da lei; porque são coisas inúteis e vãs".
Pv.16:18 "A soberba precede a ruina e a altivez do espírito precede a queda".





domingo, 7 de novembro de 2010

IGREJA DIVIDIDA: QUEM GANHA, QUEM PERDE.

Nesse mundo de Deus, já vimos e ouvimos sobre tantas coisas, que causam arrepios.
A nossa passagem por aqui é de curta duração e se comparado a eternidade, não passa de um sonho ou  pesadelo; depende daquilo que semeamos.

A primeira vez que ouvi falar em divisão, eu era muito jovem e a informação que recebera é que a situação estava tão insustentável que foi necessária a intervenção da polícia;  os crentes, VAZIOS do Espírito Santo, brigavam, cada um puxando a toalha para o seu lado. Bancos e cadeiras quebradas. Escândalo.

POR QUE UM LÍDER OU PASTOR DIVIDE.
O poder é um jogo bruto, poucas pessoas aceitam ser submissas a sua instituição, posso comparar a um empregado, inteligente que é admitido na empresa, (o elemento divisor, sempre é muito inteligente e astuto), adquire o que em inglês chamam de "know-how", conhecimento,  cria vínculo estreito com a clientela, prepara terreno e leva uma parte consigo. No caso de igreja, é da mesma maneira; ele é apresentado como novo pastor, a congregação o recebe e ele, todo empolado diz: Caros irmãos; Deus me trouxe aqui para ajuda-los. Sou grato a Deus e ao ministério, que me honrou, quero dar a minha vida para um trabalho vitorioso e bla bla bla e tome  bla bla bla.
Quem lembra de Absalão filho de Davi?
2Sam 13:39 Então tinha o Rei Davi saudades de Absalão...  
2Sam 15:03 Tendo voltado, dizia Absalão aos que passavam: "Teus negócios são bons e retos, mas, não tens quem te ouça da parte do Rei".  Assim Absalão procurava dominar o coração do povo.
Cabra! se tu é macho mesmo, cheio do Espírito Santo, é mais digno voce orar ao Senhor e confessar: Senhor eu não nasci para ser cauda, quero ser cabeça e como tu és o dono da obra e eu tenho caráter, vou entregar a igreja que me foi confiada e vou evangelizar, ganhar almas para o teu reino, e instituir o meu ministério. Vou devolver o que me foi confiado.
Quando há divisão, vai lá dar uma olhada nos crentes que foram levados; ficam soberbos, sempre que recebem notícia de um membro que saiu da igreja dividida, só faltam fazer festas, é um prazer mórbido chega a causar náuseas a quem ama a Deus.
QUEM GANHA?.
o cidadão,  que inconformado em ganhar uma fatia do queijo, (os queijos me desculpem) passa a ter o queijo inteiro no seu controle e põe controle nisso, aquilo que ele não gostava no ministério deixado para trás, passará a fazer pior ainda.
QUEM PERDE?
1) A igreja que sofreu a divisão, no fundo no fundo, os irmãos ficam tristes.
2) Os crentes que foram. Certamente o Espírito de Deus não aprova tais atitudes pois  estão sempre dispostos a brigar e defender o seu líder, salvo as honrosas excessões. Há os que vão por vínculo familiar ou de amizade ou ainda porque não percebem o que se passa nas coxias, aplaudem o ator, por ignorar regras básicas da palavra de Deus. (Gl.6:7; Fl.3:19; ICo 1:13)
3) Os que não ficaram nem foram, mas, escandalizados e frustrados,  deixaram a igreja para se refugiar em casa. Quem sabe o valor de uma alma, não comete tamanho vacilo.

CONSEQUÊNCIAS.
Lc 17:1 E disse aos discípulos: "é impossível que não venham os escândalos, mas ai daquele por quem vierem!".  O restante vocês conhecem, é só ler para saber o quanto essa bricandeira vai custar aos que promovem dissensões e divisões nas igrejas.


sábado, 6 de novembro de 2010

VENDE-SE IGREJA

Como profissional, trabalhei  muitos anos (quase 20) numa empresa imobiliária, não obstante centrado na área administrativa e contábil, assimilei o movimento de compra e venda de imóveis. Como contador, por vezes consultado sobre o preço para venda e compra de uma empresa,  vou logo fazendo perguntas tais como; quanto de estoque,  vendas mensais, projeção de vendas futuras, qual o tamanho do passivo e vai por aí, na busca de um número razoável. No caso de igreja, se alguém me consultasse, eu faria perguntas semelhantes, (cá pra nós, não teria coragem de perguntar, eu mandaria o indivíduo ir enxugar gelo em algum lugar da Antárctida) mas, eu perguntaria o seguinte: O Senhor tem uma igreja para vender? ela é sua de verdade? já perguntou ao verdadeiro dono se ele concorda com essa operação? Bem! isso do ponto de vista espiritual. Quando se pretende vender, não se leva em conta apenas o patrimônio. Do ponto de vista patrimonial, eu não conheço nenhum pastor dono de igreja, pois elas são sempre adquiridas com dinheiro dos dízimos e das ofertas dadas pelos fiéis portanto concluo essa dizendo: É IMORAL E CRIMINOSO VENDER O QUE NÃO LHE PERTENCE TANTO QUANTO É IMORAL QUEM COMPRA. Considero o dinheiro tão sujo quanto as 30 moedas de prata pagas a Judas Iscariotes, para trair o Senhor.

Mt. 16:18: "Pois também eu te digo que tu és Pedro e sobre ESTA PEDRA edificarei a MINHA IGREJA e as portas do inferno não prevalecerão contra ela". (grifo meu).

Lc 20:17b - "A pedra que os edificadores reprovaram, essa foi feita cabeça da esquina".
At. 4:11 Pedro cheio do Espírito Santo, perante o Sinédrio falando acerca de Jesus:  "Ele é a pedra que foi rejeitada por vós os edificadores, a qual foi posta por cabeça de esquina."
Ef. 2:20-21 Carta de Paulo aos Efésios: "Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra de esquina; no qual todo edifício (IGREJA)  bem ajustado, cresce para templo santo no Senhor".

III JESUS O MAIS DESACREDITADO - CATOLICISMO

No ponto I esclarecimentos sobre o título.
CATOLICISMO ROMANO.
Comentamos no ponto II sobre os crentes ou evangélicos, acertos e erros. falamos pouco sobre erros porque certamente muitas questões que envolvem a vida cristã praticada pelos evangélicos como eu, serão abordadas no futuro. Não trato destes assuntos com parcialidades, como aquele que fica sentado vendo o mundo passar e jogando pedra no telhado do vizinho mas, com o propósito de contribuir para que muitos que já foram alcançados pelo conhecimento da palavra de Deus, não se iludam com propostas de bênçãos imediatas porque; milagres, manifestação de dons, movimentos liturgicos e até o batismo com Espírito Santo, não carimbam passaporte para o céu.
A igreja sem nome, a igreja de Cristo caminhou firme, aguentando as perseguições, pagando com a vida sua devoção a Cristo. O capítulo 11 da carta aos Hebreus, exalta a fé dos heróis. A partir de Constantino (312) e consolidado com Teodósio (378-95) a igreja mergulhou na paganização; grandes nomes como Policarpo (69-156), bispo ou presbítero de Esmirna; Inácio (67-110) bispo de  Antioquia; Jeronimo, Agostinho,  entre outros, encerraram o período áureo da igreja primitiva. O governo papal,  aliado aos concílios, foram estabelecendo as bases doutrinárias da Igreja Católica ao longo de quase todo o período da chamada era cristã, através de concílios como o concílio de Nicéia em 787 que sancionou o culto às imagens e outros que introduziram o uso de velas, culto aos anjos, purgatório e o que considero mais nefasto, o celibato, que tem dado causa a  centenas de acusações de pedofília praticada por padres, impossibilitados de ter uma esposa como Pedro (considerado o primeiro papa) e os demais apóstolos do Senhor, contrariando os ensinos do Apóstolo Paulo na I carta a Timóteo 3:2 "Convém que os bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher..."
Poderia citar aqui tantos outros desarranjos. Assistindo alguns padres pregadores, que pregam com vemência sobre Jesus, nos surpreendendo, percebo no final, como que para agradar o público, encerram suas pregações com um lacônico convite;  "Rezemos a Maria, nossa mãe, nossa intercessora...", quando Jesus é segundo as escrituras, o único mediador entre Deus e os homens, A mim fica uma forte impressão que se  os tais pudessem tirar do coração do devoto certas impropriedades como adoração as imagens, certamente o fariam, todavia, o que plantaram foi uma semente como joio no meio do trigo, cresceu tanto que matou o trigo. O ser humano se aplica de maneira muito forte sobre aquilo que crê e muito mais quando recebe como ensino verdadeiro. Muitas coisas ensinadas e mantidas como práticas litúrgicas, não passam no crivo das palavras proferidas pelo próprio Senhor Jesus e até mesmo de Maria quando disse aos empregados, na festa em Caná da Galiléia:  "Fazei tudo quanto ele vos disser."   Jo 2:5. A Teologia da Libertação proclamada pelo frei Leonardo Boff, rompeu a Igreja Católica, queiram ou não aceitar como verdade, as comunidades eclesiais de base surgidas a partir da década de 60 e o movimento de renovação carismática que em 2000 contava com mais de 8 milhões de adeptos e em sua maioria jovem, (conheço alguns jovens desse movimento e confesso, no bom sentido; é de causar inveja) respiram liberdade sobre tudo o que foi pronunciado como dogma porém, ainda falta muita coisa e a juventude católica precisa ter coragem para implementar mudanças se querem de verdade seguir o Jesus da Bíblia.
Para concluir, faço um desafio; leiam os evangelhos, com carinho e devoção peculiares, cito aqui, o diálogo entre Jesus e a mulher samaritana Jo 4:1-30, Jesus e Nicodemos Jo 3. Como seria o culto dirigido por ele. Na obediência a Jesus e suas mensagens, não se inclui, terços, rezas padronizadas, culto aos santos, adoração diante das suas imagens;  nem por simples lembrança, por ser contrário a lei de Deus como está escrito: Não farás para ti imagem de escultura, NEM ALGUMA SEMELHANÇA (grifo nosso) do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
Vivemos os últimos dias e Jesus vem breve buscar um povo seu, especial, zeloso e de boas obras.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

NOVA POSTAGEM

Peço um pouco de paciência. logo, logo, estarei postando novas matérias e concluindo as prometidas.

Sou imensamente grato pela leitura das minhas publicações,  espero em Deus que sirvam de edificação.

Deus abençõe voces.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

QUANDO TUDO É LUCRO

Huuum!!! esqueci de falar; desde a minha mocidade, uso a versão corrigida de Almeida, as demais que possuo, uso apenas para avaliação de texto, assim evita aquela quase eterna discussão sobre traduções.
Jer 17:5 Assim diz o SENHOR:  Maldito o homem que confia no homem e faz da carne o seu braço e aparta o se coração do SENHOR.

Jer 17:7 Bendito o varão que confia no SENHOR e cuja esperança é o SENHOR.

Já vi muitos pastores, confinados no seu mundo, desanimados, por vezes reclamando do seu ministério.
Já vi muitos crentes, confinados no seu mundo, desanimados, por vezes reclamando do seu pastor.

Vivemos em um mundo que mais parece um Tsunami, os ministros líderes, tão envolvidos com seus problemas de gabinete, de administrar as centenas de igrejas sob sua batuta que por mais que se esforçe, não consegue atender a demanda.  Por  vezes, não pode confiar no seu staff pois estes,  sem generalizar, estão preocupados em defender os seus interesses. Achar uma pessoa piedosa, pronta a ouvir, é meio complicado num momento como este, quando o mundo sinaliza  que JESUS VEM BREVE.

Nós pastores, principalmente os milhares que trabalham securlarmente,  vivemos tão envolvidos em nossas ocupações que o tempo torna-se escasso para pacientemente ouvir os dramas dos membros da igreja.

Queiramos ou não, é o retrato do mundo globalizado nos afrontando.

Já tive muitos conflitos e me inclinei para ouvir a voz do Senhor e achar uma resposta que pudesse funcionar como pó de guaraná;  me dar aquela disposição e a resposta sempre está na Bíblia.

Levantar a cabeça, lutar, pedir graças a Deus para vencer os obstáculos, não ter medo dos dias futuros pois, se Deus é por nós, quem será contra nós. Ele nunca nos desampara, lembra da viuva de Sarepta?  IRs 17:8-24 a posição geográfica de Sidom e o que ela representava para o povo de Deus, não impediu a mobilização do céu para sustenta-la.

Fazer guerra contra o seu ministério ou contra o seu pastor, ficar mobilizando pessoas para tentar desestabilizar o governo da igreja, acredite se quiser; não conta com a aprovação de Deus. Pense no fim que Deus deu a Jó.

RESULTADO - Quando voce espera alguma coisa e não recebe se frustra e a família sofre. Quando voce não espera e recebe, o lucro é certo e saimos do outro lado, dando glórias ao SENHOR. 

PENSE NISSO!!!!




segunda-feira, 1 de novembro de 2010

BATISMO NO ESPÍRITO SANTO, ATACADO OU VAREJO

Em primeiro lugar peço desculpas pelo título. É apenas uma forma de chamar a atenção pela banalização que se dá ao maior emblema da evangelização. Tentarei ser suscinto sem deixar de lado a clareza.
Não tem como inventar, o batismo com Espírito Santo não é produzido por vontade humana exceto a vontade de recebe-lo de forma legítima. Consideremos alguns pontos.
1) Lc. 24:49 Eis que sobre vós envio a PROMESSA de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestido de poder.
2) At.2:2 e, de repente, VEIO DO CÉU um som como de um vento veemente e impetuoso e encheu toda casa. 2:3 FORAM VISTAS POR ELES línguas repartidas como de fogo. 2:4 falaram em outras línguas, em variedades de línguas (ver ICo 12:10 variedades) incluindo-se a língua materna de diversas nacionalidades. A necessidade impactante da comunicação era maior e mais necessária que hoje, porisso, serve de exemplo para nós.
3) At. 8:19 Não está no domínio do homem para que este, manipule da forma que lhe convier.
O cenário religioso como também o de impiedade era muito ostensivo nos dias apostólicos. Conquistar Samaria e demolir a idolatria sobre Diana na cidade de Éfeso, exigia não esforço humano e logístico de evangelização mas profunda demonstração de poder.
CONVENHAMOS E SEJAMOS SINCEROS.
Para que os crentes querem hoje o batismo com Espírito Santo?  Resposta: para ficar dentro das igrejas brigando por cargos e em como agradar suas lideranças e muitas vezes massacrando quem realmente deseja fazer a obra do Senhor. Se realmente queremos o que de fato já está a disposição da igreja pois, os dons que vêm através do batismo são o ornamento da igreja do Senhor, faz-se necessário uma mudança radical de valores morais e éticos, caráter na verdade, além de uma busca frenética em exercitar piedade, tão distante do nosso convívio.
O que esperamos de uma pessoa batizada com o Espírito Santo?
O que voce espera do seu veículo quanto a bateria está descarregada e voce troca por uma nova? que ele se movimente, que ele cumpra seus objetivos, dar conforto aos passageiros. O que esperamos? que o cristão saia do lugar comum, se movimente, demonstre mais amor, mais afeto pelos que com ele convive, nisto se inclui a família, impulso para falar do amor de Jesus, coragem, ânimo pronto, espírito colaborador para com a obra, mais carinho com seu pastor.
O que dizer de pregadores que muito bem pagos, dentro de um clima organizado, insiste em que as pessoas falem em línguas, pessoas que já estão envolvidas em toda sua emoção no contexto do culto. Não precisa dizer nada, acompanhe-os nos cultos seguintes. Alguns nem falam mais em línguas até que um novo culto os reanime. O que falo não é crítica dirigida a qualquer igreja nossa, falo como diante de Deus, as pessoas acabam se tornando vítimas do engano do poder. Deus as condena por isto? não, mais esta situação as tornam insensíveis a voz do Espírito, perdem a capacidade de discernir, acham tudo normal e é por esta razão que quando aparece alguém com uma visível demonstração de poder, acaba se tornando um ícone entre os irmãos, aquilo que dizem: "a irmã é um vaso" quando todos somos vasos, parece até predileção de Deus por alguns.
Como sabemos a diferença entre ser batizado com Espírito Santo, Jl 2:28; Lc 24:49 com a dádiva do Espírito Santo  cf. Jo 20:22,  concluimos:
1) O primeiro reveste o crente de poder e o segundo transmite características  aos filhos de Deus tornando-os semelhantes a Cristo, (Um criado disse a Pedro,; "tu és um deles"  Lc 22:58)
2) O Batismo com Espírito Santo deve ser uma consequência para os que experimentam o novo nascimento e não ao contrário.
3) Nada impede (excessão) que uma pessoa na igreja, aceite a Cristo como salvador e no mesmo instante seja batizado com Espírito Santo para depois, experimentar a nova vida em Cristo.
4) A regra é: Os que experimentam o novo nascimento, recebam o Espírito de vida em Cristo Jesus, busquem ardorosamente  receber o revestimento de poder sem a "mãozinha santa do pregador".
Não tenho qualquer respeito pelos debochados que chamam alguns movimentos de "repepé" ou "reteté" muitas vezes esses movimentos acontecem porque o pai não está por perto para ensinar os filhos.
Não tenho qualquer respeito por compositores que incluem línguas estranhas em seus cânticos e falam como se isto, estivesse no seu domínio. Lembro-me de uma jovem a quem exortei para que não fizesse mais aquilo;  cantar e imitar as línguas que o compositor inseriu.
CATÓLICOS CARISMÁTICOS.
Alguns me perguntam se os católicos carismáticos recebem o batismo com Espírito Santo. Na matéria "Jesus o mais desacreditado" tratarei com mais detalhes sobre o assunto.
1) São vítimas tanto quanto alguns dos nossos se tornam vítimas de movimentos que parecem ser.
2) Não tem nada de espírito maligno nessa questão, salvo, quando o próprio Satanás que pode se transfigurar em anjo de luz, IICo 11:14 - resolve interferir para enganar, porém, isso é resultante do extase emocional, porquê? alguém pode me perguntar.
1) O Batismo com Espírito Santo como já explicado anteriormente, não é a causa e sim a decorrência dos nascidos de novo.
2) Qualquer que recebe o Espírito Santo conforme Jo 20:22, não pode no final das orações, concluir com outra dizendo "Santa Maria mãe de Deus, ROGAI por nós pecadores",  pois Jesus disse em Jo 16:13 "Ele vos guiará em toda verdade"  e a Bíblia, livro de Deus, prescreve o que segue:
ITm 2:5 "Porque, há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens".
Hb. 12:24 "...e a Jesus, mediador de uma nova aliança..."
Tudo o que digo acima, não tem nada a ver com subverter Maria, a querida mãe do nosso Salvador a uma condição de inferioridade.
Para finalizar, lembro-me que em igrejas da qual fui pastor, era quase que comum, logo no início do movimento carismático, chegar em nossas igrejas, líderes desse  movimento e por vezes até padres. Após ouvir alguns, descobria que o interesse era o movimento espiritual  e tudo o que se relacionava com a liturgia do culto. Percebam que não me preocupo com a parcialidade, a Bíblia é a carta de Deus capaz de orientar os nosso  caminhos para não cometermos erros.
Pastores das nossas igrejas, tenhamos cuidado com aqueles que vem com aparência de piedade e levam nosso povo a gritinhos histéricos que não produzem qualquer resultado positivo.