Tradução deste blog

sábado, 8 de outubro de 2011

PRESERVATIVO GRATUITO NAS ESCOLAS



Distribuição gratuita de preservativos nas escolas?
Vamos por partes.
Espero que ao publicar essa nota, esteja o bondoso governo pensando em fazer vaquinha, começando pelos ministros e descendo a escalões menores, cada um dando a sua quota. Isto sim, é de graça, enfiando a mão no bolso e patrocinando a festa.
Será que além de falsos moralistas, nos tornamos agora, idiotas?
Qualquer pessoa sabe que custa caro cuidar de pacientes com doenças sexualmente transmissiveis e não dá para deixa-los no meio do caminho sem tratamento adequado. Distribuir preservativo grátis nas escolas não é um incentivo a prática sexual desregrada? Quero dizer ainda; o contribuinte paga, via impostos, para que a juventude faça sexo, se divirta e isto a custa do contribuinte? O governo não usa a televisão para divulgação das plataformas políticas em época de eleições. Usem-nas para divulgar, publiquem fotos estarrecedoras de regiões da genitália, atacadas pelos diversos tipos de doenças e cancros,  para que o jovem fique assustado e controle seus impulsos, façam o mesmo que fazem nos pacotinhos de cigarros; chega a impressionar. É bom que a juventude saiba que as doenças sexualmente transmissiveis já não atacam em meio a determinados grupos de riscos, também, não precisam alarmar, basta informar, por que se descuidarem, o país se transforma em um prostíbulo.
As escolas públicas, precisam de investimentos.
A saúde pública, em certas regiões deviam chamar doença pública.
Há alguns anos atrás, o Brasil vivia se curvando ao FMI e agora, abençoado por Deus, quer jogar seus recursos nos prazeres de natureza humana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário