Tradução deste blog

domingo, 5 de julho de 2015

EBD LÇ.2 O EVANGELHO DA GRAÇA

EBD – SUBSÍDIO - LIÇÃO PARA O DIA 12/07/2015
PONTOS A ESTUDAR:
I – AS FALSAS DOUTRINAS CORROMPEM O EVANGELHO DA GRAÇA.
II – A GRAÇA SUPERABUNDOU COM A FÉ E O AMOR.
III – UM CONVITE A COMBATER O BOM COMBATE.


                    O EVANGELHO DA GRAÇA QUE MUITOS COMPLICAM 

  
I – AS FALSAS DOUTRINAS CORROMPEM O EVANGELHO DA GRAÇA.

1.1 O evangelho da graça.

A relação entre o evangelho da graça, tal e qual está nos escritos e consolidados pela doutrina paulina, deveria ser mantido pelas igrejas sem qualquer acréscimo, mesmo sabendo que Paulo usava túnica e nós, ternos e gravatas.

A graça de Deus revelada por Jesus é apresentada aos homens  pelo conjunto das santas tarefas  que usamos para dar conhecimento dela  e incluem, não apenas a pregação, mas, o acompanhamento para saúde física e espiritual dos que dela se aproximem. Pelo menos deveria ser assim.

1.2 As falsas doutrinas.

A falsa doutrina pode parecer inócua num primeiro momento, mas, o seu resultado é muito danoso. Com razão Paulo ao recomendar a Timóteo que tivesse cuidado com a doutrina, emendou dizendo que podia salvar a ele, Timóteo quando os ouvintes.

O conjunto de doutrinas fundamentais torna o culto harmonioso, mas, muitos não querem essa harmonia; gostam mesmo do barulho que chamam de “pentecostal” sem entender exatamente o que quer dizer, ser pentecostal, ou melhor, o que de fato acontece no meio pentecostal de quem obedece a Palavra do Senhor integralmente.

As genealogias citadas pelo apóstolo pode tratar-se de uma linguagem coloquial de Paulo como diríamos hoje, figurada, para mostrar que ficar curtindo histórias paralelas às bíblicas ou tradições, não levaria os crentes ao verdadeiro objetivo.

1.3 O “fim do mandamento” e a finalidade da lei.

Disse o Senhor: “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim ab-rogar, mas, cumprir” Mt. 5:17.

Ab-rogar = Abolir, mudar ou anular. (usado no Direito).

Tento explicar isto dizendo que Deus fez parar o relógio dispensacional; deu uma grande pausa, para que Jesus assumisse o controle da oportunidade de salvação para todos os homens.

A questão de ser somente para eleitos previamente escolhidos, não cabe em João 3:16.

O que parece ser “previamente escolhidos” só pode ser visto sob a ótica divina, da presciência de Deus.


II A GRAÇA SUPERABUNDOU COM A FÉ E O AMOR.

2.1 Gratidão a Deus.

Com clareza e facilmente compreensível o autor traz uma frase que  achei de muita valia e riqueza para o entendimento de muitos:

“O evangelho é a expressão do amor de Deus em Cristo Jesus, que alcança um homem no mais baixo nivel de pecado e o faz uma “nova criatura” e mais ainda; o faz parte da família de Deus”.

Lembrei-me do Salmo 68:6 “Deus faz que o solitário viva em família; liberta aqueles que estão presos em grilhões...”.


2.2 Humildade.

Temos muitas escolas de teologia, mas, muitos formados nelas, fogem da escola de humildade cujo mestre é Jesus e o “campus” é a igreja onde devemos servir os fieis transformando tudo o que aprendemos como teoria em prática.

Jesus deu o maior exemplo de como servir e deixou claro:

“Não vim para ser servido, mas para servir” Mt. 20:28.



III – UM CONVITE PARA COMBATER O BOM COMBATE.

3.1 A boa milícia.

O bom combate contra as heresias poderiam tornar Timóteo um pastor “chato”, pois é assim que os sinceros são conhecidos e tratados por levantar bandeiras contra todo tipo de heresias.

Assim prevalece a máxima: Falem o que quiser, menos do meu cantor ou pregador predileto, independente do que eles fazem, cantam ou pregam.

3.2 A rejeição da fé e suas consequências.

Fé não fingida e boa consciência.

Fingimento e consciência. Com essas duas palavras o autor fecha este último ponto com brilho, mostrando as ações nefastas de Himeneu e Fileto.

Quando Paulo diz que as palavras deles (Himeneu e Fileto) roíam como gangrena e sabendo  que a gangrena é a morte do tecido por insuficiência de irrigação sanguínea em que o lugar apodrece até os ossos, façam ideia do estrago que eles e outros promoviam no seio da igreja.

Realmente, ser pastor e servir é isso, proteger o rebanho de Cristo desses carrapatos, lembrando ainda que João escreveu ao amado Gaio, falando de um “pastor” chamado Diótrefes que além dos males, proibia os crentes de receber os apóstolos.

Façamos esta oração:
Senhor ensina-nos a afiar bem a nossa espada para acabar com os carrapatos que devoram o teu rebanho. Eles já estragaram tudo na Europa, na outra América e está estragando no Brasil.


Um comentário:

  1. Ótimo comentário pastor. Parabéns que Deus te use cada vez mais

    ResponderExcluir