Tradução deste blog

domingo, 25 de março de 2012

IGREJA MUNDIAL E A VINDA DE JESUS

Percebam que todos os comentários, pelo menos os meus, não visam desqualificar referida igreja ignorando os milagres produzidos e mostrados diuturnamente pela televisão. Na minha última postagem sobre o Ap.Wadelmiro Santiago, fiz saber que a sua maneira de criticar todas as demais igrejas exaltando a sua obra, assemelha-se em muito o rei Nabucodonor que andando pelo palácio, não obstante, o aviso de Daniel, disse: "Não é esta a grande Babilônia que eu edifiquei para casa real, COM A FORÇA DO MEU PODER E PARA GLÓRIA DA MINHA MAGNIFICÊNCIA(grifo meu). E.T. Não estou chamando a Mundial de Babilônia.

A resposta de Deus foi: "Passou de ti o teu reino". Daniel 4:30-31p.

Uma igreja com característica evangélica, deve encher-se da graça de Deus e pregar o evangelho com poder, coisa que algumas não fazem, para vergonha nossa, poder que não dispensa os bons ensinamentos da Palavra de Deus, coisa que essas megas igrejas desprezam, para vergonha deles.

Percebam que não estou atacando a obra, mas, defendendo a bandeira do evangelho, pois a falta da boa Palavra do Senhor, que deve ser a porta de entrada a esta graça e não as curas, é que pode alicerçar vidas preparando-as para o arrebatamento da igreja.

Não dá para esconder que todos os milagres manifestos, estão sempre alavancando as arrecadações que parecem, ser, a principal causa da existência delas.

Veja por exemplo o caso da Internacional da Graça: Testemunhos, louvores e sempre uma pregação até de certa forma consistente, todavia, sempre termina com aquele papelzinho picotado, para que o fiel, contribua, além das vendas de produtos e tv por assinatura.

Certamente você que é admirador, saia em defesa e diga: Se não fizermos isso, os ímpios o farão. Concordo sim, o que não entendo é que essas igrejas, não usam o dinheiro para grandes empreendimentos sociais e quando fazem alguma coisa, parece um colírio para os olhos, como quem diz: Nós fazemos.

Hoje, 25/03, lendo o jornal eletrônico UOL, reportavam-se ao Ap. Waldemiro em cuja declaração o mesmo desafiava o Bp.Macedo a abrir suas contas e dizia: "A fazenda do Mato Grosso é propriedade da igreja e não minha, eu até poderia ter comprado pois tenho recursos..." Aqui começa o meu questionamento.

Em primeiro lugar, em conversas com pessoas nas ruas e para uma boa causa, eu dizia: A Record está equivocada, O Apóstolo, não precisa de um centavo da igreja, pois esses senhores, possuem empresas paralelas que faturam alto, são empresas deles, alavancadas pelas igrejas para venda de produtos ligados a fé e portanto, é com esses recursos que adquirem bens.

Seja com recursos próprios, (Certa ocasião alguém levantou problemas com relação a posse de um certo padre famoso de São Paulo, e se não estou enganado, esse padre também tem empresa que articulam operações comerciais,  uma forma legal de construir patrimônio)  ou se os bens são adquiridos em nome e para propriedade da igreja, causa-nos espécie pelo que passo a comentar:

Para que, uma igreja precisa de uma fazenda com aquela dimensão e gados. Fazer lucro posteriormente? Igreja não tem fins lucrativos e todo estatuto reza quando a finalidade é igreja, que seus recursos visam a evangelização e cuidados com os pobres e outros trabalhos sociais, etc. etc.

Em Lucas 12, JESUS disse aos seus discípulos ou seguidores, entre os quais, certamente os atuais, bispos, apóstolos, missionários e demais, devem estar incluídos: "VENDEI O QUE TENDES E DAI ESMOLAS E FAZEI PARA VÓS BOLSAS QUE NÃO SE ENVELHECEM, TESOURO NOS CÉUS, QUE NUNCA ACABE, AONDE NÃO CHEGA LADRÃO E A TRAÇA NÃO CORRÓI" 12:33.

Alguem aí do outro lado, se habilita a dar bronca e dizer que JESUS não tinha uma visão de empreendedor?

Quando mandou Pedro pegar a moeda na boca do Peixe, não foram duas e sim uma apenas, para pagar os impostos. Mt. 17:27.

Se pregamos que JESUS vem, qual a finalidade de uma igreja ter uma enorme propriedade, paradisíaca, com gado,  pista de pouso de avião e cortada por rios. Só para descanso do seu líder?

Recentemente, fiquei com uma certa tristeza, todavia, não me exaltei, quando uma jovem postou no facebook uma foto do referido apóstolo ao lado do espírita Chico Xavier em cuja inscrição se lia: "Este cobra e abaixo do retrato do líder espírita, este não cobrava. Não quero aqui, entrar no mérito quanto os milagres e suas origens, apenas quanto o princípio.

Pedir contribuição para manutenção de um programa de televisão, é até justo, entendemos, todavia, quando a indícios de riqueza em seus produtores, algo fica estranho a causa do evangelho e ao que JESUS disse, já citado, sem pretender aprofundar-me biblicamente no assunto.

Finalmente, Se hoje, qualquer desses representantes vierem a falecer, o que fará o rebanho?  procurarão outro líder que o substitua ou o rebanho será divido como pizza para os que fazem parte da liderança?

Se colocarem os fiéis em torno de JESUS e não em torno do nome de cada um deles, certamente a missão foi concluída com sucesso e eles receberão o galardão, todavia, se não for, certamente o Senhor fará o acerto de contas no final.

Evangelho não é propriedade da Renascer, Deus é Amor, Reino de Deus, Mundial, ADs, Universal, e qualquer outra.

O Evangelho é de Nosso Senhor e Salvador JESUS CRISTO, a ele, sim, toda glória, toda honra e todo louvor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário