Tradução deste blog

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

O PESADELO AMERICANO E O SONHO BRASILEIRO.

Falamos idiomas diferentes, temos uma cultura diferente e essas diferenças faz a diferença,  por que?  Criamos o nosso mundo de faz de conta, achamos tudo engraçado, dançamos e rimos enquanto outros choram, aplaudimos os craques do futebol e parece ser uma preferência nacional não olhar para a miséria. A outra preferência nacional está se institucionalizando.
Nós e os americanos, (sempre pensei que fossem diferentes) temos alma, sentimento, choramos quando nossos filhos pedem pão e não podemos comprar e somente assim, podemos perceber que somos todos iguais.

Já tinha ciência das dificuldades dos nossos irmãos americanos, quando se descobriu a sujeira e o fundo falso da riqueza americana lastreada pelo sistema financeiro corrompido, muitos perdendo suas casas, indo morar com familiares ou em tendas.

Aquele espectro passou e nos esquecemos de tudo que tinha acontecido. Neste 7 de Setembro, ouvindo um telejornal, percebi que não houve muito progresso, mostravam a situação de muitos americanos deixando suas casas e indo morar em tendas a 70 km de Nova Iorque, a cidade mundo.

Confesso que me entristeci e logo lembrei da nossa situação. Todos os dias, sempre a mesma conversa, mudanças na economia, aumento ou diminuição de juros para controlar a inflação, bolsa de valores e variação cambial. É inacreditável o tamanho do rombo na economia por conta da corrupção e o governo declarando que só pode investir na saúde se houver aumento de impostos.

Parece que não adianta o clamor dos pobres, o grito de alerta dos que percebem o tamanho do rombo no casco do navio, a roubalheira de políticos que riem na nossa cara e riem mais ainda dos tribunais de justiça e do supremo pois parece que ninguém pode dete-los.

Está aqui na minha frente, separei o caderno especial da folha de São Paulo de 4 de Setembro de 2011; 8 páginas, com as seguintes matérias:
-O custo da corrupção.
-Na vala comum do DESPERDÍCIO.
-Verba federal some no ralo das prefeituras.
-CORRUPÇÃO faz Brasil perder uma Bolívia.
-O bê-á-bá da corrupção  SUBORNO E NEPOTISMO.
- BR-101, Um receituário de DESVIOS.
- CAIXA DOIS - Tráfico de influências, Laranjas, Fraude em Obras e VENDAS DE SENTENÇAS.
-CONLUIO DE EMPRESÁRIOS; Conflitos de interesses, improbidade administrativa e enriquecimento ilícito.

Nas páginas 6 e 7, dez (10) rostos conhecidos dos brasileiros que estão por ai, em quem, certamente, continuaremos votando.

Hoje, dia 7 de Setembro, fiquei maravilhado vendo a foto da nossa presidente Dilma Roussef brincando com seu neto que aliás, está lindo, ao lado da mãe cuja simplicidade me fascina. Sei que ela lutará para deixar uma  herança sustentável ao seu e aos nossos netos;  um Brasil do qual nos orgulhemos? Oremos por ela.

Terminei o dia um pouco triste, pensando, que Brasil é esse, que tenta esconder a cara sob a maquiagem dos controles economicos, para depois transformar o nosso sonho em pesadelo?

Lembram do ex presidente Janio da Silva Quadros, quando renunciou a presidência dizendo que forças ocultas o impediam de governar? Agora sabemos que é verdade porque essas forças ocultas tem um nome, chama-se CORRUPÇÃO e já não está tão oculta assim pois a imprensa ainda livre deste pais, tenta exorcizar esse demonio e só com o esforço consciente dos brasileiros, dando um pontapé nessa negada que insiste em furar o casco do navio é que poderemos manter o nosso sonho e desejar que os americanos recuperem o deles. Porém, acreditem, se continuarmos votando em pessoas engraçadas o pesadelo virá muito mais rápido do que imaginamos.
Dizia-se "Deus salve a América" digo "Deus salve as Américas".





2 comentários:

  1. Paz do Senhor querido pr. amei o seu blog e ja sigo. Espero desfrutar mais desse espaço.

    Graça e paz.
    X.C.J

    ResponderExcluir
  2. Querido Xavier.
    Prazer em recebe-lo; seu comentário me fortalece.
    Deus o abençoe.
    O anônimo sou eu rs...

    ResponderExcluir